O impacto da qualidade de dados no sucesso do e-commerce

O impacto da qualidade de dados no sucesso do e-commerce

Você sabia que o feed de dados de um produto é o elemento mais importante em e-commerces? Exatamente, trata-se do clássico que sempre funciona, mesmo com novas ferramentas e interfaces disponíveis para facilitar a vida do administrador de negócios.

Para ajudar você a veicular dados corretamente para sua marca, apresentamos a seguir algumas dicas valiosas. Acompanhe.

Melhores dicas para um feed de dados de sucesso

Assegure-se de que seu feed esteja completo

Certifique-se de que não apenas os atributos exigidos, mas também os atributos adicionais estejam apresentados. Garanta que estejam formatados corretamente, sem abreviações, caracteres especiais ou dados duplicados. Atributos variáveis, tais como disponibilidade e preço precisam ser mantidos e atualizados regularmente.

Caracterize a estrutura do produto

Para títulos e descrições, garanta que os atributos-chave de produtos estejam posicionados à frente. Delimite cada espaço dependendo do atributo. Para títulos de produtos, otimize-os para a tela de resultados do Google.

Lembre-se de que você conta com 70 caracteres para fazer a descrição dos produtos. Na verdade 55, pois os primeiros 25 caracteres devem ser otimizados para conquistar bom ranqueamento. Desse modo, a estrutura da descrição de cada produto devem ser organizada cautelosamente para maximizar a performance de conversões.

Algo muito comum é o fato de a maioria dos comerciantes virtuais não se preocuparem com esse aspecto e deixarem a descrição construída de forma truncada e/ou desleixada – apenas frisando palavras-chave. Mas o algoritmo de buscas do Google estará pronto a diminuir a relevância de e-commerces que façam uso dessa prática.

Enriqueça seu feed

Enriqueça o conteúdo de seus atributos de feed, baseando-se em como consumidores buscam seus produtos. Você precisará fazer a tradução adequada de termos e sinônimos em atributos que sejam palavras-chave ricas e que se adéquem melhor ao usuário comum. Para isso, mesmo que você não tenha familiaridade com o inglês, oGoogle Tradutor será um grande aliado.

A categorização do produto no Google também deve ser a mais detalhada possível. Imagine os seguintes exemplos: sua impressora tem fio ou é wireless? É uma poltrona, cadeira ou sofá? É uma almofada cereja ou vermelha? A categoria no Google é “Cama”, ou “Cama > Divã > Duplo”?

O enriquecimento do feed Google deve se basear nos termos de busca que convertem. Utilize os relatórios e ferramentas do Google que estão disponíveis para analisar os termos que direcionam as impressões, cliques e o valor, e então altere seus atributos para incluir tais itens.

Tome o tempo necessário para construir toda a base; o enriquecimento de atributos de feed é justamente o que lhe distancia da concorrência e ajuda você a subir no ranqueamento do Google.

Consumidor em primeiro, Google em segundo: as mudanças no feed devem sempre ser feitas com o consumidor em mente. Atributos precisam incluir informações relevantes, embora necessite ter apelo estético e fazer sentido ao consumidor.

Gerencie suas campanhas e feed de Google, alinhando-as: lembre-se, que a parte mais importante da otimização é gerenciamento alinhado com as campanhas de compras. Pergunte-se: quais produtos estão em promoção e que estão acima do custo por clique da concorrência? Isso deverá nortear seu tempo e esforços.

Pode-se utilizar o serviço de feed enrichment – ou enriquecimento de feed – para maximizar o potencial da performance de compras. Não há segredos sobre o que fazer, apenas experiência combinada a trabalho duro, planejamento e atenção aos detalhes. Isso é que conquista bons resultados. Em suma: invista em dados de alta qualidade; jamais irão decepcionar você.

 E você, o que está fazendo para melhorar seu feed de dados? Conte para a gente na seção de comentários abaixo!