Abandono de carrinho no e-commerce? Veja essas 5 soluções e aumente a conversão

Abandono de carrinho no e-commerce? Veja essas 5 soluções e aumente a conversão

Um dos maiores desafios de quem gerencia uma loja virtual é diminuir a taxa de abandono do carrinho. O consumidor acessa o site, adiciona itens à sacola de compras e, na hora de fechar o negócio, desiste da compra. O primeiro passo é detectar quais os principais motivos para isso acontecer, algumas vezes uma simples avaliação do site já diagnostica algumas falhas que podem ser facilmente resolvidas. Oferecer o que o cliente procura é essencial para converter visitas em vendas concretas. Veja aqui 5 soluções para diminuir o índice de abandono de carrinho no e-commerce:

Abandono de carrinho no e-commerce: 5 soluções para aumentar a conversão

1. Mostre que o site é um ambiente seguro

Um dos principais motivos de compras não concluídas é o medo que alguns consumidores têm de informar seus dados online. O cliente encontra o que precisa, acha o preço justo, não se espanta com o valor do frete, mas na hora de fazer o cadastro ou informar dados de cartão de crédito, desiste da compra.

A solução é simples: dê indicativos de que seu site é um lugar seguro. Invista em certificados de segurança, por exemplo. Outra solução é oferecer opções de pagamento, entre elas o boleto bancário. Assim, se o comprador for resistente a passar informações de seu cartão em ambiente virtual, terá uma alternativa.

2. Mudanças no layout

Ter um site atraente é uma excelente maneira de conquistar clientes. Se o ambiente for muito colorido e com muitas imagens, ele apresentará informações visuais demais. Dificilmente alguém irá se sentir confortável comprando nele. Um site visivelmente cansativo não recebe visitas longas. Por isso, a loja virtual deve ter design clean e intuitivo, para que seus visitantes consigam navegar com facilidade e conforto. Assim, o cliente passará tempo suficiente no e-commerce para encontrar o produto que deseja, o que contribui muito para que a compra seja finalizada.

3. Opções de frete

Normalmente, o cálculo do frete é feito na conclusão da compra. Este não pode ser um fator que assuste o consumidor. Alguns clientes procuram sites de e-commerce atraidos pela possibilidade de encontrar produtos mais em conta. Se o valor final for muito mais alto do que o anunciado, a probabilidade de desistência de compra é grande.

Para evitar que isso aconteça, ofereça mais de uma opção de frete, das mais rápidas (expressas, que normalmente custam mais) até as que demoram um pouco mais. Outra ideia é estudar maneiras de oferecer frete grátis acima de determinado valor.

4. Informações claras

Ao fazer uma compra virtual, o consumidor não está com o produto em mãos. Isso pode gerar dúvidas em relação à qualidade do item, por exemplo. Mesmo adicionando o produto no carrinho, estas dúvidas acompanham o cliente até a hora de fechar a compra. Por isso, ofereça o máximo de informações para que o consumidor possa visualizar o produto da melhor maneira possível.

Também é bom disponibilizar informações completas sobre política de trocas, fretes, códigos de rastreio, formas de pagamento e sobre todos os processos envolvidos na venda. Isso faz com que o cliente se sinta seguro ao efetuar a compra. Segurança aumenta a taxa de conversão!

5. Produtos bem cadastrados

Se o item adicionado ao carrinho for exatamente o que o cliente quer, as possibilidades de conversão são muito maiores. Isso acontece quando a loja virtual oferece um sistema de buscas eficiente, que garante que o consumidor encontre o que procura. Por isso, é imprescindível para um e-commerce que seus produtos estejam bem cadastrados. Isso significa: títulos catalogados corretamente, produtos nas categorias certas e atributos bem cadastrados. Estas são características que deixam todos os itens organizados, ou seja, produtos que podem ser rapidamente encontrados.

E você, o que está fazendo para aumentar as vendas de seu e-commerce? Conte para a gente na seção de comentários abaixo!